Procurar textos
 
 

 

 

 







OS LIVROS DA WALKYRIA
JÚLIO VERNE
VINTE MIL LÉGUAS SUBMARINAS
CAPITULO XV
Vanikoro
 

Desde que começamos a navegar por mares mais freqüentados, vi muitas vezes cascos de navios que apodreciam; e no solo, havia canhões, projéteis, âncoras, correntes e outras peças de ferro, destruídos pela ferrugem.

No dia 11 de dezembro, avistamos o arquipélago das Pomotu e, a seguir, fomos até a ilha de Clermont-Tonnerre, onde tive a oportunidade de estudar a sua formação madrepórica. Não devemos confundir as madréporas com os corais. As primeiras formam uma camada recoberta de crosta calcária. Meu famoso mestre Milne Edwards classificou-as em cinco tipos. Os bilhões de animais minúsculos que segregam esse polipeiro vivem no interior das células deste. Seus depósitos calcários convertem-se em penhascos, recifes, ilhas e ilhotas. Formam um anel rodeando um pequeno lago interno. Bem próximo da ilha Clermont-Tonnerre, pude admirar a tarefa gigantesca executada por esses trabalhadores microscópicos, formando altas muralhas.

Conselho perguntou-me sobre o tempo despedido na formação dessas colossais barreiras. Fiou surpreso ao ouvir-me dizer que os sábios calculam o seu crescimento em cerca de um oitavo de polegada por século.

- Então, para formar essas muralhas, foram necessários...- insinuou Conselho.

- Cento e noventa e dois mil anos - respondi com um sorriso, ao ver a expressão de espanto do meu criado.

Ao entardecer, a ilha de Clermont-Tonnerre desapareceu ao longo, e a rota do Nautilus mudou bastante. No dia 15 de dezembro deixamos ao leste, o arquipélago da Sociedade e a ilha de Taiti, a rainha do Pacífico. O Nautilus havia navegado oitocentas milhas. A seguir, avistamos o arquipélago de Viti, onde os selvagens mataram os marinheiros do navio União e o capitão Bureaus, de Nantes, comandante do Aimable Josephine. Devo dizer que foi Tasman quem descobriu esse grupo de ilhas em 1643, no mesmo ano em que Torricelli inventou o barômetro e em que Luis XIV subiu ao trono.

O Nautilus aproximou-se da baía de Wailea, que nos iria fornecer uma grande quantidade de ostras. Confesso que comemos ostras à vontade. Ned Land não precisou se arrepender de sua gulodice, pois a ostra é o único alimento que não provoca indigestão. São necessárias pelo menos dezesseis dúzias desses moluscos para fornecer os trezentos e quinze gramas de substância azotada necessários à alimentação diária de uma pessoa.

No dia 25 de dezembro, navegávamos perto do arquipélago das Novas Hébridas, descoberto por Queirós em 1606, que Bougainville explorou em 1769 e ao qual Cook batizou-o com o nome atual em 1763. Era Natal e tive a impressão de que Ned Land lamentava não poder celebrá-lo com a família. Dois dias depois tive a oportunidade de ver o capitão Nemo. Perguntei que rumo seguia o Nautilus e ele respondeu com uma só palavra:

- Vanikoro.

Era esse o nome de duas pequenas ilhas, onde se perderam os escaleres do navio de La Pérouse. Não pude deixar de perguntar surpreso:

- Vamos a Vanikoro?

- Sim, professor.

- E poderei visitar as ilhas onde naufragaram os navios Boussoler e Astrólabe?

- Se assim o desejar, sr. Aronnax.

 

 
   
   

 

 

 


hospedagem
Cyberdesigner:
Magno Urbano