Procurar imagens
     
Procurar textos
 

 

 

 

 


 

 

JOSÉ AFONSO
ZECA AFONSO

JOSÉ AFONSO
Antologia Mínima, por Rui Mendes
In Cantares
Trovas antigas

O que mais me prende à vida

Não é o amor de ninguém

É que a morte de esquecida

Deixa o mal e leva o bem

 

Quem se vai casar ao longe

Ao perto tendo com quem

Alva flor de laranjeira

Não a dará a ninguém

 

Olha a triste viuvinha

Que anda na roca a fiar

É bem feito é bem feito

Que não tem com quem casar

 

No cimo daquela serra

Está um lenço de mil cores

Está dizendo viva viva

Morra quem não tem amores

 

O que mais me prende à vida

Não é o amor de ninguém

É que a morte de esquecida

Deixa o mal e leva o bem

 

Olha a triste viuvinha

Que anda na roca a fiar

É bem feito é bem feito

Que não tem com quem casar

 
 
 

 




 



hospedagem
Cyberdesigner:
Magno Urbano