CARLOS PERES FEIO
coisas revoltas

algumas coisas revoltam-se ao serem tocadas
poucos saberão porquê
revelam na atitude invisível
a agonia em que têm existido,
obrigadas ao espectáculo dos humanos
face ao auditório dos inertes,
das pedras semi preciosas, preciosas e simples pedras,
as que amo.

como as compreendo,
incrédulas com este fim de século,
a lembrarem,
a desejarem
voltar aos tempos
de antanho,
em que a ordem universal,
a gravidade e o silêncio,
só eram vagamente acordados
pelo passar onírico
de um meteoro...

 

carlos peres feio

dezembro 1997
oeiras

 

 




 



hospedagem
Cyberdesigner:
Magno Urbano