CARLOS PERES FEIO

2 - à natureza

ver terra vermelha entre verdes vários
tão necessário à nossa paleta de cores
todos os dias acrescentada de cinzentos

por isso fujo das auto-estradas da informação
refugio-me nos vales da ignorância
procurando a essência do profundo

evito como um contorcionista
o complicado sem pássaros
o contacto com os corpos
almas em anestesia

já não peço no mundo imaginado
presença de pessoas
figuram noutros cenários
onde o apreço é de ocuparem espaços.

basta-me a cor da música
fluido deste mergulho
e o pensamento fixo
num ser que me compreenda

 
(versos de c peres feio, em 2001 - alterados em 2004 por sugestão da poeta amiga, Soledade Santos, com um agradecimento)
 
 

 




 



hospedagem
Cyberdesigner:
Magno Urbano