Tomas Tranströmer
O grande mistério
(Selecção e tradução de Luís Costa)

O grande mistério...
O penhasco da águia...
Fachadas...
Novembro...
A neve cai...
Assinaturas...
Nove haikus...

Nove haikus da Prisão de Menores Hallby (1959)

1

Joga-se futebol

súbita confusão – a bola

voa por cima do muro

2

Eles enfurecem-se

para que o tempo passe

mais rápido

3

Vida mal soletrada

a beleza continua a viver

como tatuagem

       

4

Quando o fugitivo foi apanhado

tinha os bolsos

cheios de cogumelos

5

O retinir das oficinas

e os pesados passos das torres

perturbam o bosque

     

6

O portão abre-se

no pátio do instituto

há agora um novo ano

     

7

A s luzes do muro acendem-se

o aviador nocturno

vê uma mancha de luz irreal

8

Noite – um TIR passa

os sonhos dos

reclusos tremem

9

O rapaz bebe leite

e dorme na sua cela,

uma mãe de pedra

Tomas Tranströmer nasceu a 15 de Abril de 1931 em Estocolmo. É hoje considerado o mais importante poeta sueco da actualidade. Os seus poemas estão traduzidos em mais de trinta línguas. Além disso é considerado, desde há vários anos, como um dos favoritos ao Prémio Nobel da Literatura.
 

 

 

 




 



hospedagem
Cyberdesigner:
Magno Urbano