SANDRA COSTA

Sobre a ponte, observas

[desconheço] o que vai para além

o tamanho impensável das flores

Existimos de forma concisa

hoje, crescem em mim coisas simples:

Não te espantas com as uvas ainda

aguardo os dias

Existimos de forma concisa

Existimos de forma concisa

num gomo de laranja, no feixe
de luz oblíquo ao parapeito da janela,
nas superfícies das paredes que sobem
até ao tecto da casa, no vidro outrora
e na gota de chuva e quando cessa a chuva
no troar das andorinhas, existimos de forma
concisa

não tendo o mundo outra forma de existir

 

 

 




 



hospedagem
Cyberdesigner:
Magno Urbano