:::::::::::::::PEDRO AFONSO:::::::

BOCA BRUSCA

INDEX

alada é a efémera ignição

alada é a efémera ignição
o sopro verde
das raízes o rebento arde incitado
na rotação que molda e acentua
o corpo perplexo no desconcerto
sem fim é da garganta
o grito negro que se expande
refluxo
ardente já cinza criadora
abre a passagem
uma ferida pelos prados
sangrentos de searas infectados
oh! de orgânico alimento digestão
o azul tangente
se amor o sangue mais
e jaze aos pés o corpo
padece de si mesmo
metamórfico
já seus filhos o abocanham

Pedro Luís Gomes Afonso nasceu em Faro, em 1979.
É um dos membros fundadores do Sulscrito, Círculo Literário do Algarve (http://sulscrito.blogsome.com) e faz parte da direcção editorial da revista de literatura Sulscrito.
É autor do blog “a pedra” (http://apedra.blogsome.com).  
                       
Publicações:
- Representado na Antologia de Novos Poetas Algarvios – Do Solo ao Sul, Faro, Dezembro de 2005, ARCA, pp 35-58.
- Representado e traduzido para Castelhano na Antologia de Poesia Portuguesa Actual – Poema Poema, Revista de Poesia Aullido nº 15, Punta Úmbria, Huelva 2006, pp 152-163.
- Representado na Primeira Antologia de Micro-Ficção Portuguesa, Editora Exodus, Fevereiro de 2008.
- Publicou poesia em algumas revistas de Portugal, Espanha e México.
- Tem publicado no seu blog o conjunto inédito de textos rapaz-areia, em http://apedra.blogsome.com/category/rapaz-areia/.        

 
 

 

 

 




 



hospedagem
Cyberdesigner:
Magno Urbano