:::::::::::::::::::::LUÍS COSTA::::::::::::
O LIVRO EXUMADO
(XLIV POEMAS) - Index
In memoriam

Hoje,

sei o que é falar pelos oráculos do silêncio

 

A mudez da minha avó,

que não sabia ler,

ilumina-me

de imenso

 

Os seus olhos tão azuis!

e aquele sorriso na face

já enrugada

mas pura…

 

Recordo as histórias que me

contava:

 

a telúrica sabedoria

de quem aprendeu a ler

no centro das coisas

 
 

 

 

 




 



hospedagem
Cyberdesigner:
Magno Urbano