::::::::::::::::::::::C. RONALD:::::::

Antologia de Poemas

O GAROTO STRAVINSKY
[Eis a porta que range com aquele que entra]
NA CANTINA DO BOSQUE
[Um dia vês o quanto o rosto pode mudar do amor]
Para estar na paisagem
25
65
67
135
275
280
REGATOS

 

(a). Escolhidos por NS
(b). Escolhidos por Ruy Ventura
(c). Escolhidos pelo Autor
Biobibliografia estabelecida por RV

C. Ronald, nome literário de Carlos Ronald Schmidt, nascido em 1935 no estado de Santa Catarina (Brasil), é uma das mais discretas e mais importantes vozes da poesia contemporânea de língua portuguesa. A sua obra, como refere Mário Pereira, “é feita de material permanente, que o poeta-pensador extraiu das percepções e vivências para construir seu mundo surpreendente e inquietante. [...] Abstrata, complexa, de uma racionalidade tão aguda que atropela a lógica formal com a visão surrealista e despreza tudo o que é circunstancial, exige entrega para ser desfrutada”. Publicou os seguintes livros: As Origens (Rio de Janeiro, 1971), Ânua (São Paulo, 1975), Dettagli dell’ Assenza (Itália, 1975), Dias da Terra (São Paulo, 1978), Gemônias (Florianópolis, 1982), As Coisas Simples (Rio de Janeiro, 1986), Como Pesa! (Florianópolis, 1993), A Cadeira de Édipo (São Paulo, 1993), Cuidados do Acaso (São Paulo, 1993), Todos os Atos (São Paulo, 1997), Ocasional Glup (São Paulo, 1999), A Razão do Nada (São Paulo, 2001), Os Sempre (Florianópolis, 2003) e Caro Rimbaud (Florianópolis, 2006).

 

 

 

 




 



hospedagem
Cyberdesigner:
Magno Urbano