ANTONIO MIRANDA
Poemas inéditos
Friend of mine

Um corpo aceso
em sua juventude.

Alçando vôo
eriçando-se
arrepiando-se
— hirto, aflito
em plena antese.

Sem nome, sem destino
naquela noite fria
de Bogotá
quando ainda havia hippies
e psicodelismo:

 

uma jaqueta surrada
um abraço profundo
um desatino.

Os ombros altivos
os olhos luzidios
desejos intempestivos
enquanto fumava e delirava e exorcizava
e sorria.

(Nem havia preservativos
mas a ordem era
romper os preconceitos).

A mente flexível
a boca ardente
saliva espessa
sexo admissível
e rock´n´roll

Let it be
Blowing in the wind
Satisfaction

Um corpo aceso
em plena juventude.

Sem nome, sem destino.

Antonio Miranda. Poeta, escritor  e escultor,  já publicou romances, poesias em vários países. Em 1966, por decisão própria, exilou-se para viver intensamente um período de efervescente agitação cultural na América Latina. Sua criatividade foi reconhecida com prêmios pela crítica internacional (Medellin - Colômbia, San Juan de Puerto Rico). Miranda viveu e publicou em Buenos Aires, Caracas, Bogotá e Londres. Tu País Está Feliz, peça de teatro baseado em seus poemas e músicas foi estreada em 1971, foi representada em mais de 20 países. Página do autor: www.antoniomiranda.com.br

Entrada no TriploV: 24.11.2008
 

 

 

 




 



hospedagem
Cyberdesigner:
Magno Urbano