NICOLAU SAIÃO
ONZE DEGRAUS

(“Onze é o verdadeiro número dos degraus alquímicos
a descida e a subida em um só ponto”- Gérard Calandre)

1. Retábulo da alegria

2. Efemeridade

3. Voar

4. Cidade

5. Magnólia

6. Água

7. Resistência

8. Madrugada

9. Granito

10. Sorriso

11. Palavra

7. Resistência

Não apenas a música

mas o som

o ruído que envolve

o oculto grito

 

Não o nome somente

mas vestígio

o timbre recordado de seu

espaço

 

Não apenas figura

mas silêncio

silhueta ou contorno

na memória

 

Não o medo ou o azougue

sobre esta carne morta

 

Mas um vívido traço

ainda que incompleto

 

Mas singeleza como

um corpo inconformado.

 

 

 

 


hospedagem
Cyberdesigner:
Magno Urbano