Procurar textos
 
 

 

 

 







HERPETOLOGIA
ANGOLA
...
FICHAS DE ESPÉCIES
.

TESTUDINES
CHELONIIDAE

.
Caretta caretta (Linnaeus, 1758)
Sinon.: Testudo caretta; Testudo Cauana; Thalassochelys caretta
Refs: Sequeira, 1886; Tornier, 1902; Bocage, 1895, 1903; Vieira, 1897; Sclater, 1898; Nieden, 1913; Oliveira, 1931; Monard, 1937; Themido, 1942; Cadenat, 1957; Pasteur & Bons, 1960; Dupuy, 1987; Branch & Hanekom, 1987; Márquez, 1990
Locus: Banana (foz do Zaire)
Nidificação: Marrocos, Mauritânia; Senegal (postura e eclosão decorrem entre Julho e Novembro); praias de Cabo Verde, Golfo da Guiné, Camarões, S. Tomé, Príncipe, Angola, Namíbia, África do Sul
Distr.: Portugal. Atlântico, Pacífico ocidental, Índico, Mediterâneo e Mar Negro
Obs.: Os indígenas, em S. Tomé, vendem objectos fabricados com as suas escamas. Themido diz que é comum nas costas de Portugal.

Chelonia mydas (Linnaeus, 1758)
Sinon.: Testudo mydas; Chelone viridis
Refs: Bocage, 1866, 1896, 1903; Oliveira, 1931; Monard, 1937; Cadenat, 1957; Villiers, 1958; Groombridge, 1982; Dupuy, 1987; Branch & Hanekom, 1987; Groombridge, 1982; Márquez, 1990
Locus: Costa de Angola e do Loango, mares de Luanda, foz do Congo
Nidificação: Arquipélago dos Bijagós; costa da Guiné-Bissau; Senegal - postura e eclosão decorrem de Julho a Novembro
Distr.: Todos os mares tropicais e subtropicais do mundo, perto das costas continentais e à volta das ilhas. Rara nas águas temperadas. S. Tomé, Rolas, Príncipe, canal de Moçambique, Ilha Europa.
Obs.: Na África ocidental, faz duas posturas no ano, de noite, uma de Janeiro a Março, a outra no tempo das chuvas, entre Julho e Outubro.

Erethmochelys imbricata (Linnaeus, 1758)
Sinon.: Testudo imbricata; Chelone imbricata
Refs: Sclater, 1898; Oliveira, 1931; Dupuy, 1987; Márquez, 1990; Schatti & Loumont, 1992; Haagner, 1994
Nidificação: Costa do Senegal. Aparece em todos os mares quentes. Em África, é conhecida em toda a costa - atlântica, índica e do Mar Vermelho. São Tomé e Príncipe. Zululândia, África do Sul

Lepidochelys olivacea (Eschscholtz, 1829)
Sinon.: Chelonia olivacea
Refs: Villiers, 1958; Brongersma, 1961; Schulz, 1975; Groombridge, 1982; Dupuy, 1987
Locus: Ambriz
Nidificação: Costa do Senegal, da Guiné-Bissau
Distr.: Pantropical, preferindo o hemisfério N.

 
 
 
 
   
   

 

 

 


hospedagem
Cyberdesigner:
Magno Urbano